Qual o melhor regime tributário para minha empresa?

Se você esta em processo de Abertura de Empresa ou já tem uma e sempre esta com aquele pensamento (será que estou pagando mais impostos que deveria?) com certeza precisa pensar e calcular com cuidado qual o melhor regime tributário para a sua empresa.

Afinal, se você estiver na fase de Abertura de Empresa você tem que planejar:

  • O que vender/oferecer de serviço;
  • Para quem
  • Como
  • Onde
  • Qual o melhor preço do meu produto/serviço

E muitas outras questões. E uma delas, talvez a mais crucial para o seu negócio dar certo, seja a escolha correta do regime tributário para a sua empresa.

Já se você já tem uma empresa constituída e com a correta Assessoria Fiscal e Assessoria Contábil todo ano que se inicia você se depara com a mesma questão: manter no regime tributário atual ou mudar o regime tributário?

Querendo ou não, a escolha errada pode fazer seus custos com impostos dobrarem ou até mesmo triplicarem. Isso mesmo que você leu, até mesmo triplicar, ou mais…

Por isso, para você não sofrer mais com essa dúvida, resumimos alguns pontos importantes sobre cada regime tributário. E, claro, além disso, você conta também com toda a Assessoria Tributária que só a Contabilidade Sem Fronteiras pode te oferecer com qualidade e preço justo. Entre em contato e confira!

No Brasil não basta pagar tributo, você precisa demonstrar detalhadamente o cálculo dele, informar para quem suas vendas estão sendo realizadas, para qual local, quais produtos estão sendo vendidos etc.

Todo esse calhamaço de dados são enviados ao fisco (Federal, Estadual ou Municipal) por meio de formulários/arquivos eletrônicos, com objetivo de fiscalizar as empresas ou mesmo autuá-las caso as informações estejam erradas ou divergentes.

Lucro Presumido

O lucro presumido é uma maneira de tributação do Imposto de Renda e da Contribuição Social sobre o Lucro (CSSL) de pessoas jurídicas, a partir da previsão do lucro possível a ser obtido no período anterior ao recolhimento. De maneira muito simplificada, isto significa que a partir de uma previsão de quanto será o lucro, calcula-se o valor do imposto cobrado que a empresa terá que pagar. O período de recolhimento do imposto é trimestral e com datas pré-fixadas, sendo elas: 31 de março, 30 de junho, 30 de setembro e 31 de dezembro.

Simples Nacional

O Simples Nacional é um regime tributário criado em 2006 para, como o nome diz, simplificar o pagamento de tributos por microempresas e empresas de pequeno porte (ME e EPP).

Esse tipo de tributação abrange o IRPJ, CSLL, PIS/Pasep, Confins, IPI, ICMS, ISS e CPP (ufa!). O recolhimento de todos os tributos é feito pelo DAS (Documento Único de Arrecadação) e seu prazo é até o dia 20 do mês seguinte àquele em que houve receita bruta.

Lucro Real

O Lucro Real nada mais é que a tributação comum de IR e CSSL para pessoas jurídicas em cima do lucro total líquido obtido no período anterior ao de recolhimento. As datas são as mesmas para o Lucro Presumido.

As empresas obrigadas a apuração com base no Lucro Real são as que possuírem lucro líquido superior a 48 milhões de reais; que atuem em atividades de bancos (comerciais, investimentos, desenvolvimento), sociedades de crédito, financiamentos, corretoras de títulos, arrendamento mercantil, cooperativas de crédito e empresas de seguros e previdências; que possuam lucros provindos do exterior; empresas que efetuaram o pagamento no regime estimativa e empresas que atuem nas áreas de: prestação de serviços em assessoria de crédito, mercadológica, administração de contas a pagar e receber e factoring (que trata-se da prestação contínua e cumulativa de diversos serviços, como gestão de crédito, seleção de riscos e assessoria mercadológica e creditícia).

Qual Regime Tributário Escolher?

Esta é uma pergunta muito complicada e ao mesmo tempo muito simples.

Em geral, calculando-se com base na realidade da empresa. Imaginemos que uma empresa possa optar pelo Lucro Presumido ou Lucro Real e, historicamente, tem optado pelo Lucro Presumido por ser mais vantajoso para ela. Pode acontecer de, num determinado período, ela apurar prejuízo, fazendo eventualmente com que o Lucro Real seja mais atrativo. Mas ainda assim poderia ser que não, pois PIS e Cofins devem também ser levados em consideração nessa análise e não estão ligados ao lucro contábil diretamente. Porém não podemos esquecer que há uma certa subjetividade nessa escolha, pois ela é feita no início do ano e vale para o ano todo, fazendo com que variáveis importantes sejam estimadas, como faturamento, por exemplo, tentando prever o que será mais vantajoso para a empresa e não somente o que teria sido no ano anterior, pois aí já passou. Resumindo, utilizando-se de informações históricas para realizar estimativas.

Ao mesmo tempo que o Simples Nacional auxilia na unificação de diversos impostos, algumas situações especiais podem se beneficiar ao ter “um pouco mais de trabalho” mas em compensação poder compensar impostos de sua cadeia produtiva e diversas outras vantagens que você não consegue obter no Simples Nacional.

Além, claro, do tamanho de sua Folha de Pagamento. Se o seu Departamento Pessoal tem um número substancial de funcionários, o Simples Nacional pode ser muito vantajoso pela desoneração fiscal que ele cria sob esse regime.

Enfim, a melhor solução sempre deve ser estudada caso a caso. Não há como indicar-se um regime tributário sem conhecer a empresa e poder, assim, incorrer em erro e oneração para a empresa. Por isso, é muito importante, tanto na Abertura da Empresa como no iniciar de um novo ano fiscal você ter uma boa Assessoria Contábil e uma boa Assessoria Fiscal, pois com esses 2 departamentos você poderá tomar uma melhor e correta decisão para sua empresa.

Por isso, se você é cliente da Contabilidade Sem Fronteiras entre em contato conosco e veja essas e outras ações que podemos fazer pela sua empresa para maximizarmos seus lucros. E se você ainda não é nosso cliente, esta esperando o que? Aproveite e traga já sua empresa para um dos melhores escritórios contábeis do país.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *